Etiquetas » Drogas

Uma nação de hipócritas

Se o brasileiro é relativamente progressista em questões sobre serviços públicos essenciais, mostra-se por outro lado como um reacionário dos mais histéricos e agressivos em relação aos direitos civis e participação política. mais 953 palavras

Sem Categoria

tout ce dont vous avez besoin de savoir sur les drogue...traitements..

La dépendance aux drogues dures est présentée comme une sorte de maladie qui frappe des victimes innocentes, à la manière de l’arthrite par exemple.

Victimes des dealers, les consommateurs de drogue qui souhaiteraient arrêter seraient obligés d’endurer d’intenses souffrances au moment du sevrage. mais 2.233 palavras

Luta E Protesto

Lei torna obrigatória a exibição de vídeos educativos nas aberturas de eventos culturais

O Projeto de Lei 92/2014, de autoria da Vereadora Alessandra do Brumado e aprovado por unanimidade na última reunião da Câmara, determina a obrigatoriedade da exibição de vídeos educativos antidrogas e antialcoólicos nas aberturas de shows e eventos culturais no município de Brumadinho. mais 203 palavras

Segurança pública e eleições 2014

Alguns comentários sobre uma agenda democrática para a segurança pública nas eleições 2014.

Viemos de um ano de intensificação da campanha pela reforma policial, expressa na reivindicação central da desmilitarização. mais 1.423 palavras

Sem Categoria

7 perigos escondidos na fumaça da maconha

Será que a legalização da droga tem alguma resposta para essas questões ainda em aberto?

Ao longo dos últimos cinco anos, alguma coisa mudou na relação entre os meus pacientes adolescentes e a… mais 1.132 palavras

Novidades

Sou dependente químico, mas também chamado à santidade

Testemunho pessoal sobre a dependência das drogas e a vivência da fé

Um conhecido meu de vários anos entrou em contato comigo e me pediu para contar algo muito pessoal da sua vida. mais 536 palavras

Novidades

AS NOVAS REGRAS DE CÁLCULO DO PIB SEGUNDO O EUROSTAT – UMA MONTAGEM DE JÚLIO MARQUES MOTA

Bruxelas quer que se agradeça às putas e aos toxicómanos  o bom desempenho destes “agentes económicos”  nos seus respectivos “mercados”:  quanto mais actividade tiverem mais PIB haverá , mais impostos Bruxelas irá  receber, mais os  rácios do défice e da dívida poderão descer com o PIB  a crescer,  mesmo que por estas vias! mais 859 palavras

Júlio Marques Mota