Poemas adolescentes

Estranho hoje, tudo tão calmo
como se tivessem esgotados
de vez todos os anseios
os gritos, os cantos, os lamentos.

Tudo não quieto! mais 291 palavras